Blog

CLASSIC LIST

dentistas-vacinados-balneario-camboriu-1024x363.jpg

Nos vacinamos, ontem! Vacinação para profissionais da saúde e Odontologia.

❓⚠️IMPORTANTE⚠️ É seguro ir ao dentista hoje em tempos de COVID19? 👨‍⚕️🤔 SUPER SEGURO! 🥳 Queridos amigos(a) e pacientes!

No tocante à biossegurança na saúde, a odontologia é o setor de maior destaque, pois é uma profissão que sempre se preocupou com isso!

Mesmo antes de 2020, já realizávamos a desinfecção da sala e materiais, após cada paciente. Além do uso de roupas e acessórios de proteção, agora com a Pandemia aumentamos, mais ainda, o nosso protocolo de segurança com o uso de duas máscaras de tripla proteção por todo o período, uso de viseiras e óculos especiais.

Bem como, realizamos a higienização dos equipamentos odontológicos, das poltronas da sala de espera, lavatório, entre outros.

De acordo com o Conselho Federal de Odontologia, os dentistas tiveram o menor índice de infectados entre toda as áreas de saúde! 👉 https://www.drcouto.com.br/


implante-dental.jpg

O acúmulo de biofilme tem papel importante em muitas doenças que atingem a boca, como a mucosite e a peri-implantite. Confira o comentário de Marco Bianchini sobre o assunto.

A higiene oral é considerada pela maioria dos pesquisadores como um importante fator de risco para o desenvolvimento das doenças peri-implantares. Ou seja: a má higiene oral aumenta a possibilidade de se desenvolver uma peri-implantite, o que não ocorre na dentição natural, onde encontramos indivíduos extremamente resistentes às doenças periodontais e que, apesar da má higiene oral, não desenvolvem doenças periodontais mais destrutivas.

Embora possuam reações diferentes, os implantes, assim como os dentes, são suscetíveis ao acúmulo de placa e formação de cálculo. Desta forma, o combate ao acúmulo de biofilme deve ser uma condição imprescindível na manutenção da saúde peri-implantar. A presença de biofilme pode ser resultante de uma má higiene, inerente ao paciente, ou de uma dificuldade de limpeza de locais reabilitados com implantes. Sabe-se que muitas reabilitações implantossuportadas dificultam o controle do biofilme por parte dos pacientes, visto que muitas vezes o posicionamento dos implantes não foi o mais adequado para a construção de próteses com formatos favoráveis a autolimpeza e ao controle de placa.

Desta forma, a orientação de higiene oral e fisioterapia oral devem ser prescritas e corretamente executadas pelos pacientes. Técnicas de higiene oral peri-implantar, materiais e equipamentos que facilitam o controle do biofilme devem ser de conhecimento do profissional, para que esse possa repassar as suas indicações precisas aos pacientes. Além disso, reabilitações protéticas com formato adequado também devem ser empregadas para permitir um bom acesso e higiene ao redor dos implantes.

tartaro

Assim sendo, torna-se necessário a remoção de todo e qualquer fator irritante e que favoreça ao acúmulo de placa (próteses mal adaptadas, excessos de restaurações, dentes condenados, etc.) para que o paciente possa executar a higienização com facilidade. Muitas vezes, é necessário que após a remoção destes fatores uma profilaxia e limpeza bucal sejam executadas para remover depósitos de difícil acesso. Só então o paciente poderá executar a higiene corretamente.

Infelizmente, muitos profissionais ainda não dão a importância necessária a esse tema e consideram “coisa de higienista” controlar o biofilme dos pacientes. Instruir os pacientes adequadamente sobre a higiene oral parece ser um grave problema para muitos colegas. É incrível como a arrogância e a prepotência do ser humano degeneram atividades tão nobres. Quer queiramos ou não, o biofilme ainda tem um papel importante em muitas das doenças que atingem a boca. A mucosite e a peri-implantite são mais duas dessas, que sofrem uma influência direta do acúmulo de biofilme.

Orientar os pacientes sobre como executar uma boa higiene oral faz parte do nosso dia a dia de dentistas. Quantos insucessos poderiam ter sido evitados se nós tivéssemos conseguido incutir na cabeça de nossos pacientes que manter a boca saudável é importante. A saúde bucal pode ser comparada como uma equação onde uma das variáveis é o paciente. Se essa variável “paciente” não for controlada, teremos mais e mais falhas nos nossos tratamentos.

“Coração tranquilo é vida para o corpo, mas a inveja é cárie nos ossos.” Provérbios 14, 29

Marco Bianchini


halitose.jpg

Halitose vem do latim “halitus” significa ar expirado e do grego “osis” doença ou condição anormal. Tanto em referências históricas, quanto na literatura Greco romana, principalmente nas comédias, existe menção de personalidades com mau hálito.

Em citações que datam de 1.500 a.C., Hipócrates descreveu que uma moça devia ter o hálito agradável e, para isso, desenvolveu um colutório com erva doce, vinho, sementes de endro e murta. Outros filósofos desta época relataram que o mau hálito era causa da infidelidade conjugal.

No Antigo Testamento, Jó (19:17) lamenta: “O meu mau hálito tornou-se intolerável para a minha mulher e meus irmãos recusam reconhecer-me”.

Plínio, em sua obra “A História Natural” publicada 77 a 79 d.C., descreveu que o uso de pena de abutre podia causar mau hálito. Melhor seria usar o espinho de porco espinho que tornava os dentes firmes.

O Talmud, livro sagrado dos judeus, considera o mau hálito uma deficiência grave, especialmente em relação ao cônjuge e sacerdotes, sendo fundamento importante para o divórcio e impedindo os sacerdotes de exercer suas funções.

Em 1874, J. W. Howe em seu livro “The Breathande the diseases with give it a fetid odor”, passa a considerar o mau hálito uma entidade clínica e relaciona a diversos fatores como: compostos derivados da destruição e reparação tecidual; efeito de substância medicinais; desordens emocionais; constipação e indigestão; cárie, tártaro e ulcerações bucais; garganta; laringe; traquéia; bronquite; herpes e intoxicação.

Dr. Joseph Tonzetich (1924-2000) foi considerado o pioneiro contemporâneo na pesquisa sobre o mau hálito.

O grande mestre Nelson Thomaz Lascala foi o primeiro a publicar em 1962, numa revista nacional, sobre halitose, como o título: “A halitose em pacientes com moléstias periodontais”.

No Brasil, Millôr Fernandes, ao falar sobre sexo e relacionamento, disse que o “Mau hálito é o maior anticoncepcional”.

Atualmente, o tratamento da halitose, suas causas e consequências é uma realidade possível. Existem técnicas e produtos com eficiência científica e clinicamente comprovados, para começar, usar bem o fio dental e a escova e escovar a língua é uma boa conduta. O tratamento deve ter como metas, restaurar um hálito agradável, recuperar a segurança, espontaneidade e auto-estima do paciente.

Gravamos esta reportagem para o programa Arte de Viver falando mais sobre o assunto:

Referência: ”Bom Hálito e Segurança: Metas essenciais no tratamento da halitóse”, Conceição, M. D. – Campinas, SP; Artes em Livros; 2013.


cancer-bucal-cuidados.jpg

A Revista da APCD de Jul/Ago deu um destaque todo especial para o Câncer Bucal. Segundo  estimativa realizada pelo Instituto do Câncer, 14 mil casos aparecem a cada ano e metade dessas pessoas morrerá em decorrência da doença. Preocupante, também, o aumento de casos em adultos jovens. Programas para a conscientização sobre o problema tem sido feitos pelas entidades de classe e a orientação fundamental é com relação ao…

Auto exame da boca:

Em frente ao espelho que tenha  boa luminosidade, coloque a língua para fora e faça movimentos laterais e de elevação e abaixamento. Observe qualquer alteração de cor e forma. Esses movimentos devem ser feitos sem dificuldade. Analisar todo o dorso da língua e laterais. Coloque-a para cima e observe embaixo dela e o assoalho da boca. Verifique todas as áreas da boca, como bochechas, lábios e palato (céu da boca).

auto-exame-bucal

A boca está sujeita a uma série de alterações, como: coloração, textura, aumento de volume, feridas de bordos irregulares, podendo ser indolor no início, de crescimento continuo e sem melhora; placas brancas, avermelhadas e pretas que passam desapercebidas, nódulos no pescoço, na boca; excesso de tecido ( crescimento); sangue na saliva. Qualquer ferida que ultrapasse 15 dias sem apresentar melhora deve ser investigada. Não se desespere, procure seu dentista que lhe orientará melhor.

Evitar essa doença é fundamental, e, na maioria das vezes, só depende de você, portanto:

  • Não fume
  • Evite bebidas alcoólicas;
  • Proteja-se dos raios solares (protetor solar, chapéu);
  • Procure resolver próteses traumáticas (mal ajustadas), raízes residuais e dentes quebrados;
  • Mantenha a boa higiene bucal;
  • Tenha uma alimentação saudável;
  • Execute o auto exame periodicamente;
  • Procure o dentista se encontrar alguma irregularidade
  • Consulte seu dentista regularmente;

Porém…

Pacientes com câncer devem ter cuidados redobrados com a saúde bucal

Apesar de ser muito importante para o tratamento do câncer, a quimioterapia e a radioterapia podem desencadear alguns sintomas que, quando não tratados, prejudicam a saúde da boca e, até mesmo, o tratamento do câncer.

 

Cada pessoa reage de maneira diferente à quimio e à radioterapia, mas alguns efeitos colaterais são mais comuns, deixando os dentes, gengiva e mucosa sensíveis. Entre as queixas frequentes estão: perda de paladar; aparecimento de mucosite (feridas); xerostomia (boca seca); candidíase (infecção por fungos conhecida como sapinho) e cárie de radiação. Estes sintomas geralmente são temporários e depende do local, tipo de tumor e da dose das medicações utilizadas.

É importante destacar que é possível prevenir e controlar estes problemas, e a principal ferramenta para isto é a manutenção rigorosa da higiene bucal. Mas, lembre-se: os pacientes precisam de cuidados odontológicos antes, durante e após as terapias para o câncer.

Como fazer a higiene bucal do paciente?

  • A limpeza da boca (dentes e língua) deve ser feita pelo menos duas vezes por dia (manhã e noite) e após cada refeição.
  • Usar sempre escovas de cerdas macias e fio dental. Se não conseguir usar a escova, pode ser feito bochecho com antimicrobianos como a cepacaína que dá alívio rápido e temporário das dores e irritações da boca e da garganta provocadas por faringites, amigdalites, estomatites, resfriados e por procedimentos odontológicos e pequenas cirurgias da boca e da garganta. Entretanto, é contraindicado para pacientes com história de hipersensibilidade aos anestésicos locais ou ao cloreto de cetilpiridínio.
  • Quem faz uso de dentaduras deve certificar-se de que o aparelho está bem ajustado a sua boca. Ela deve ser limpa diariamente, com auxílio de uma escova de dentes. Se possível, diminua o tempo de uso da peça. Nos momentos em que não estiver sendo utilizada, mantenha a prótese seca ou submersa em água misturada a uma colher (café) de água sanitária.
  •  Mantenha a boca úmida. Além de beber água frequentemente, mascar chicletes sem açúcar e utilizar saliva artificial podem ajudá-lo.
  • Evite o uso de enxaguantes bucais com álcool e de palitos de dente.
  •  Não consuma bebidas alcoólicas ou produtos derivados do tabaco (cigarro, charuto, cachimbo e fumo para mascar).
  • Consulte um dentista regularmente.

Referências:

http://www.cccancer.net/site/index.php/cuidando-do-paciente/

http://www.saude.sp.gov.br/ses/noticias/2011/agosto/pacientes-com-cancer-devem-ter-cuidados-redobrados-com-a-saude-bucal

http://www.einstein.br/einstein-saude/em-dia-com-a-saude/Paginas/saude-bucal.aspx


Whatsapp

Rafael Costa
Rafael Costa
2018-01-21T18:38:53+0000
Italo Velasques
Italo Velasques
2017-01-18T03:11:11+0000
Melhor consultorio odontologico, Dr. Couto e sua esposa são excelentes profissionais, alem de um excelente atendimento... com as recepcionistas. Recomendo imensamente a todos que buscam o melhor tratamento dentral.read more
Pâmela A R Borges
Pâmela A R Borges
2016-06-21T17:20:11+0000
O melhor Instituto de Odontologia do país!!!Profissionais qualificados,atendimento excelente e preço acessível!!!
Alexsandra Vitor Will
Alexsandra Vitor Will
2015-12-24T11:51:13+0000
Angela Mazzetti Sanson
Angela Mazzetti Sanson
2015-09-29T13:50:46+0000
Quelen Souza
Quelen Souza
2015-07-22T20:02:17+0000
Kakau Gomes
Kakau Gomes
2014-05-06T01:11:50+0000
Marko Gervason
Marko Gervason
2014-01-04T03:44:05+0000
Cris Acker
Cris Acker
2013-12-12T12:28:28+0000
Sibeli Gonçalves
Sibeli Gonçalves
2013-12-11T15:01:02+0000
Bruna Barievillo
Bruna Barievillo
2013-11-24T02:37:41+0000
Marcia Jardim
Marcia Jardim
2013-10-17T20:35:49+0000
Rodrigo Motta de Pinho
Rodrigo Motta de Pinho
2013-09-02T16:40:06+0000
Ricardo Susin Schelbauer
Ricardo Susin Schelbauer
2013-08-30T13:19:29+0000
José Peixoto Ferrão Jr
José Peixoto Ferrão Jr
2013-08-13T12:54:51+0000
Marisa Sefrian
Marisa Sefrian
2013-07-19T22:12:20+0000
Fabio Couto
Fabio Couto
2013-07-15T22:17:36+0000
Ricardo Cauduro Jr
Ricardo Cauduro Jr
2013-07-07T11:54:42+0000
Next Reviews

Copyright by BoldThemes 2018. All rights reserved.